Quer se trate de Trojans, keyloggers ou spyware, o ‘Crimeware’ é o representante de um novo tipo de ameaça à nossa segurança, apresentando novos desafios àqueles que têm a responsabilidade de combater o crime no século XXI. Acautele-se.



O que é o crimeware?

O Crimeware não passa de software malicioso instalado em computadores sub-repticiamente. A maior parte do crimeware é, de facto, constituída por Trojans. Há diversos tipos de Trojans concebidos para fazer diferentes coisas. Por exemplo, alguns são usados para registar cada tecla que pressione (keyloggers), outros capturam screenshots enquanto se serve de websites bancários, outros fazem o download de um pedaço de código malicioso, e há uns que permitem que hackers distantes tenham acesso ao seu sistema. O que todos têm em comum é a capacidade de 'roubar' a sua informação confidencial – tal como senhas e PINs – e enviá-la para o criminoso. Armado desta informação, o ciber-criminoso é então capaz de roubar o seu dinheiro.

Como é que me protejo do crimeware?

Há vários passos que pode tomar para proteger o seu computador das ciber-ameaças dos dias de hoje. Seguir as simples directrizes abaixo ajudará a minimizar o risco do ataque.

 

  • Proteja o seu computador instalando software de segurança para a Internet.

  • Instale patches de segurança para o seu sistema operativo e as suas aplicações. Se usa o Windows® limite-se a permitir Updates automáticos. E não se esqueça de fazer o update do Microsoft® Office.

  • Se receber um email com um ficheiro em anexo (documentos Word, folhas de cálculo Excel, ficheiros .EXE, etc.) não o abra a menos que saiba quem o enviou. NUNCA abra um anexo enviado num email não solicitado (spam). O mesmo se aplica a mensagens de email ou MIs (Mensagens Instantâneas) que contenham links.

  • Actualize o seu software de segurança regularmente (ou seja, pelo menos uma vez por dia).

  • Mantenha as suas outras aplicações suas actualizadas.

  • Use a conta de Administrador do seu computador apenas se tiver que instalar software ou fazer modificações de sistema. Para uso diário, crie uma conta à parte com direitos de acesso limitados (isto pode ser feito através de 'Contas de Utilizador' no 'Painel de Controlo'). Procedendo desta maneira, você limita o acesso de programas maliciosos a valiosos dados do sistema.

  • Faça cópias de reserva dos seus dados regularmente num CD, DVD, ou unidade USB externa. Se os seus arquivos forem danificados ou criptografados por um programa malicioso você pode então restaurá-los a partir destas cópias.


Para se proteger contra código malicioso e ataques de hackers:

  • Instale software de segurança para a Internet.
  • Instale patches de segurança.
  • Seja cauteloso com emails e MIs não solicitados.
  • Tenha cuidado ao registar-se com direitos de Administrador.
  • Faça cópias de segurança dos seus dados.

© 1997 - 2014 Kaspersky Lab ZAO.

Todos os direitos reservados.