Comunicados de Imprensa

2014janeirofevereiromarçoabrilmaiojunhojulho
2013janeirofevereiromarçoabrilmaiojunhojulhoagostosetembrooutubronovembrodezembro
2012janeirofevereiromarçoabrilmaiojunhojulhoagostosetembrooutubronovembrodezembro
2011janeirofevereiromarçoabrilmaiojunhojulhoagostosetembrooutubronovembrodezembro
2010janeirofevereiromarçoabrilmaiojunhojulhoagostosetembrooutubronovembrodezembro
2009janeirofevereiromarçoabrilmaiojunhojulhoagostosetembrooutubronovembrodezembro
2008fevereiromarçoabrilmaiojunhojulhoagostosetembrooutubronovembrodezembro

20 dez 2013   Comunicados de Imprensa

Falha no Safari põe em perigo credenciais de acesso armazenadas

Os analistas da Kaspersky Lab alertam para a detecção de uma vulnerabilidade no Safari. O browser da Apple, como muitos outros, pode restaurar as sessões de navegação prévias. Ou seja, todos os sites que estavam abertos na sessão anterior – até mesmo os que requerem autenticação – podem ser restaurados seguindo determinados passos quando se abre o browser. Esta opção pode ser cómoda para o utilizador, mas nada segura. Para que o browser saiba o que estava aberto na sessão prévia, a informação sobre essa actividade tem obrigatoriamente que ser guardada em algum lado. E é evidente que estará num sítio que não permita o acesso a qualquer pessoa e a informação está codificada. Mas o problema é que o Safari não codifica as sessões prévias e guarda-as num formato de ficheiro plist comum que é de fácil acesso. Por esse motivo, acaba por ser relativamente fácil encontrar as credenciais de início de sessão de um utilizador.A sessão autorizada completa do site é guardada no ficheiro plist, completamente à vista, apesar do uso de https no seu endereço. O arquivo em si encontra-se numa pasta oculta, mas que pode ser lida por qualquer pessoa, bastando activar a vista de pastas e

10 dez 2013   Comunicados de Imprensa

Kaspersky cria novo número gratuito de apoio aos clientes domésticos em Portugal

O objectivo é criar maior proximidade com os clientes nacionaisUm número gratuito que permite obter apoio técnico imediato e em portuguêsA Kaspersky Lab Portugal anuncia uma alteração no seu suporte a utilizadores domésticos, que passam agora a contar com uma linha telefónica gratuita para obter apoio técnico e esclarecer quaisquer dúvidas quanto ao funcionamento dos seus produtos Kaspersky.Desta forma, todos os clientes domésticos dispõem, a partir de agora, das seguintes formas de apoio:- Número de telefone gratuito: 210 027 412 Este número não é tarifado e encontra-se ao dispor dos utilizadores nos seguintes horários – das 9:00h às 13:00h e das 14:00h às 18:00h.- Número de telefone tarifado: 707 500 322 - Email: suporte@kaspersky.pt - Web: http://www.kaspersky.com/pt/support/tech_support/support_boxesDe acordo com Pedro García, Director de Suporte & Serviços da Kaspersky Lab, “os produtos da Kaspersky Lab são reconhecidos pelo seu elevado grau de fiabilidade e facilidade de instalação e utilização. No entanto, há sempre dúvidas que surgem e incompatibilidades que de vez em quando aparecem devido À existência de soluções de terceiros instaladas previamente nos sistemas dos utilizadores. Como tal, e tendo em conta que a Kaspersky Lab tem uma forte penetração no mercado doméstico português, era imprescindível criarmos uma linha directa de apoio a

← Previous   |   Top Of Page   |   Next →

© 1997 - 2014 Kaspersky Lab

Todos os direitos reservados.