Pornografia, redes sociais e software ilegal: os perigos que os menores mais enfrentam na Internet

20 set 2012
Comunicados de Imprensa

Foi contabilizado um total de 60 milhes de tentativas de acesso a websites pornogrficos por ms, quatro vezes mais do que s redes sociais

Lisboa, 19 de Setembro de 2012 - medida que a Internet assume um papel cada vez mais importante na vida das crianas e adolescentes, os pais preocupam-se tambm cada vez mais com a facilidade a que os seus educandos podem aceder a contedos no desejados. A provar este facto est o crescente nmero de utilizadores que activam o controlo parental nos produtos de segurana da Kaspersky Lab. Agora que recomea o ano escolar em muitos pases, a Kaspersky Lab analisou as estatsticas geradas pelo sistema de controlo parental nos ltimos seis meses em todo o mundo.

O principal objectivo do Controlo Parental ajudar aos pais a proteger os seus filhos dos perigos de um uso incontrolado da Internet. Esta funo no est activada por defeito, sendo que os pais devem-no fazer e seleccionar a que categorias de pginas web - entre outras funcionalidades - podem os seus filhos aceder.

Os dados gerados pela Kaspersky Security Network (KSN) mostram que os alarmes do controlo parental disparam com mais frequncia nas categorias "pornografia', 'material ertico", "redes sociais" e "software ilegal". A nvel global, estes trs temas so os que encabeam a lista com uma larga margem, j que, por ms, h 60 milhes de tentativas de aceder a sites com contedo pornogrfico, quatro vezes mais que a segunda categoria na lista.

Instale o computador numa sala de uso comum a toda a família, de maneira que as experiências online sejam partilhadas por todos

"Ainda que muitas crianas recebam na escola educao sobre segurana na Internet, a indstria tem tambm um importante papel no que toca a garantir a segurana dos menores online, dando a conhecer os riscos que existem a pais e filhos. Isto pode ajudar aos pais a tomarem uma atitude mais proactiva para proteger a vida online dos seus filhos. importante que existam avisos claros e acessveis dentro dos servios de TI e especialmente no ponto de venda, para ajudar a que os menores possam aproveitar ao mximo estes servios. Este esforo tem que ser feito atravs de uma coordenao de toda a indstria para assegurar que a informao que os pais necessitam chega de uma forma eficaz", declara Peter Daviews, Director Executivo do Centro de Proteco On-line contra a Explorao de Crianas - Child Exploitation and On-line Protection (CEOP) do Reino Unido.

"Os perigos de Internet esto a aumentar a cada dia, mas os menores no deixam de ser cada vez mais activos nas redes sociais. Este um ecossistema extremamente perigoso para os menores j que so a coutada de caa preferida dos cibercriminosos, que utilizam as redes sociais para colocar links maliciosos para sites fraudulentos, e onde os menores podem entrar em contacto com pessoas perigosas ou indesejveis. Ao mesmo tempo, tambm no devemos esquecer os perigos mais tradicionais da internet, como o contedo no dirigido a menores, tentativas de phishing e outros tipos de fraude," afirma por seu turno Konstantin Ignate, Director do Grupo de Analistas de Contedos Web da Kaspersky Lab.

A verso completa do artigo "Estatsticas dos Alertas do Controlo Parental para vrios pases" pode ser encontrado em:

http://www.securelist.com/en/blog/727/Statistics_on_Parental_Control_alerts_for_various_countries

© 1997 - 2014 Kaspersky Lab

Todos os direitos reservados.